Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sentir Sem Sentido

" Se a Vida não te sorrir, sorri Tu para ela."

" Se a Vida não te sorrir, sorri Tu para ela."

Sentir Sem Sentido

23
Nov08

Quero pertencer ao céu...

sp

Hoje estou inexplicavelmente irritada, mal humorada, triste…navego num mar de solidão sem estar sozinha… apetece-me gritar, apetece-me fugir, apetece-me abandonar este mundo e pertencer ao céu… tudo isto não é novo, já me sinto assim há algum tempo… mas ontem foi o culminar…saí á noite, coisa que não costumo fazer regularmente, mas era uma festa de finalistas e não podia faltar… desde cedo percebi que o mundo da noite não é o meu mundo… raparigas bonitas e produzidas contrastavam com a simplicidade com que eu me preparei… nunca liguei muito ao aspecto exterior, mas a verdade é que cada vez mais sinto que afinal isso é muito importante, se não mesmo o mais importante, nos dias de hoje, na sociedade que me rodeia. Eu não sou atraente fisicamente, nunca fui bonita… nunca me afectou o facto de ver as alterações corporais surgirem nas minhas colegas e eu permanecer igual, sempre pensei que um dia mais tarde também me ia desenvolver, mas isso não aconteceu. Elas passaram de meninas a mulheres, eu não tive essa mudança. Por isso sempre que há um grupo de olhares masculinos são todos para elas. Eu serei apenas um eterno patinho feio. E choro, choro porque amo, mas não sou amada, choro porque não há na minha vida um primeiro amor, um primeiro beijo, um amo-te, um és linda. Choro porque tudo está para além de uma parede e eu estou deste lado…

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Para ti Carine...

Sempre que precisares, tens aqui toneladas de força para te ajudar... 10000000000000000000000000000

Arquivo

  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2008
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Pensamentos...

"Amar não é aquilo que queremos sentir mas sim aquilo que sentimos sem querer"